-->

Endless Forms Most Beautiful – Nightwish

Beautiful

Tuomas Holopainen é um artista que se preocupa em proporcionar uma experiência única através da música. Um exemplo é o seu último trabalho solo, Music Inspired By The Life And Times Of Scrooge, uma adaptação de uma jornada do Tio Patinhas em um belo álbum praticamente instrumental. Com a banda Nightwish não é diferente, e ainda conta com integrantes incrivelmente talentosos.

Muito Além da Telona

CinemaL

Escrever é uma habilidade. Usar a escrita para criar conteúdo de qualidade é um árduo trabalho. Contudo, esta tarefa não é tão simples como parece e principalmente quando se é responsável por criticar um produto que poderá ter diferentes tipos de opiniões.

Deste 2009 venho escrevendo críticas cinematográficas no Pisovelho, além de ser um ótimo exercício para melhorar a escrita, uni os meus conhecimentos de jornalista para algo que amo: o cinema. Logo após a faculdade de Jornalismo, fiz especialização em Cinema. Apesar de ter adquirido certa bagagem cultural para escrever sobre os filmes, sempre procurei (e continuo procurando) conhecer mais sobre a sétima arte. Sim,  assistir muitos filmes é essencial, mas uma boa recomendação é deixar um pouco de lado a telona e aventurar-se nos livros.

Chappie – A violência como forma de educação

Chappie

O diretor e roteirista Neill Blomkamp surgiu em 2009, sob a tutela do consagrado Peter Jackson (O Senhor dos Anéis), com uma excelente surpresa para os fãs da ficção científica que foi Distrito 9. O filme definiu qual seria o estilo do cineasta para os próximos trabalhos que é a união do Sci-Fi com uma crítica principalmente quando se trata de problemas sociais.

Neste segmento, Distrito 9 aborda o preconceito racial usando a maneira brilhante de ver o mundo de Franz Kafka. Em seu segundo trabalho, Elysium, Blomkamp discute sobre as diferenças absurdas que existem na divisão de classes sociais, enquanto muitos vivem com praticamente nada, trabalhando para poucos que vivem como deuses no espaço. Contudo, já neste filme se pode perceber uma certa tendência do diretor em investir mais na ação do que na própria ideia em si, perdendo um pouco o que havia conquistado na estreia: ser um realizador que consegue fazer de um blockbuster ter “algo a mais” para reflexão pós-sessão.

TViciados (12) - Monty Python's Flying Circus

MP3

E agora para algo completamente diferente.

Eric Idle, Graham Chapman, John Cleese, Michael Palin, Terry Jones e Terry Gilliam formaram, entre os anos de 1969 a 1974, o Monty Python's Flying Circus. De fenômeno televisivo para referência mundial, este grupo britânico se tornou essencial quando se discute humor nonsense. Programas como (só para citar os brasileiros) Os Trapalhões, TV Pirata, Casseta & Planeta e o grande sucesso atual Porta dos Fundos são exemplos de filhotes que beberam muito desta fonte britânica. Se o Beatles mudaram o rock and roll, pode ter certeza que o Monty Python mudou a comédia.  

Vício Inerente – A droga que é o amor

Viceposter

O cinema tem o potencial de proporcionar inesquecíveis experiências ao público. É claro que tudo depende de querer comprar a ideia. Infelizmente, a busca do conforto em não querer ser surpreendido durante uma obra e simplesmente se deixar levar pelo entretenimento barato é muito grande, resultando em altas bilheterias para blockbusters sem conteúdo. Contudo, ainda há espaço para realizadores continuarem seus trabalhos que desafiem as pessoas e, assim, deem vida a filmes que possam se tornar atemporais. O sucesso de Birdman no Oscar é a promessa de um futuro melhor para o cinema Hollywoodiano.

Stanley Kubrick é um dos principais exemplos de diretores que não estava interessado em apenas entreter o público, e sim lhes proporcionar uma nova experiência audiovisual.  Por isso que 2001 – Uma Odisseia no Espaço não é um filme para ser apenas “assistido” e sim analisado, discutido e “sentido”. Um dos principais temas de 2001 é a evolução do ser humano, assim, Kubrick (como outros realizadores) contribuiu para que o público, após comprasse o desafio de analisar a obra, saísse um pouco mais evoluído daquela sessão, mostrando o poder da sétima arte.